3 de março de 2008

"Representa o papel de sereia feliz"



Splash: ele cuida da da casa, dos amigos e da família! enquanto eu não consigo passar um dia sem brigar com o resto do mundo
Ariel: fo-da. tb sou assim...me dói ver q o outro vive numa boa depois de uma história profunda dessas...não q queira o mal, mas acho q queremos nos sentir especiais como os consideramos...e fazer alguma falta portanto.

Splash:
pois foi isso. it's my life
Ariel: bando de covardeeeeeeeeeessssssssssssssssssss
q abismo é esse q há entre homens e mulheres?
pq eles não se tocam de como é bom assumir os sentimentos, ser feliz de verdade? Se contentam com o pouco q a vida blasé oferece! caralho

Splash:
sinceramente não sei. não sei mesmo
Ariel: fico a cada dia mais triste com isso, sem esperança. Meu caso: ontem o homem-perfeito, macho alpha, e todos ao redor me davam o recado: ele quer tudo o q vc tem e tem tudo o q vc precisa. E eu silenciosamente respondia: e a porra do amor em q ainda acredito???? Optar pela falsa família feliz sem amor ou se fuder em busca do amor sem garantia de família feliz?

Splash:
num sei até q ponto é falsa a felicidade deles. Acho q falso mesmo são esses anos q passamos...igualmente no teu caso
Ariel: falso só se for pra ele, pq vc sabe q fez o q pôde e investiu e tentou. no meu, foi tão falso q caí fora sem culpa (não, com culpa)

Splash:
então!
Ariel: será q a gente fantasia tanto assim? teria sido tudo superdimensionamento teu? nossa auto-estima é tão alta assim q nos faz criar a ilusão da reciprocidade mínima?

Splash:
pode ser
Ariel: sinceramente, me custa acreditar

Splash:
por via das dúvidas, vou contruir meu castelo da barbie. só assim vou suportar
Ariel: não sei...e qdo tiver de desconstruir? lembrarás de q não era de verdade?

Splash:
desconstruir o meu castelo de mentiras? pra quê?
Ariel: um dia será necessário

Splash:
quem sabe um dia ele se materializa. esperemos
Ariel: ai, eu sou otimista, mas nesse caso....mas ok, esperemos

***

3 comentários:

DW disse...

Bem,
Nem todos são assim pequenas sereias... Alguns são até mais sentimentais. Talvez (melhor, com certeza) o afeto está além das relações de gênero, macho, fêmea.
Sei lá, diz do humano e de como trava suas relações, e se os homens são maioria nesse sentido, deve ser por mera estatística da vida rsss.
As vezes tendemos a atrair justamente o contrário. Imagine eu que sempre acabo sendo mais sentimental que todas as meninas que me relaciono (Argh!)
Na qualidade de Homem, lhe digo minha amiga: Na falta de coisa melhor, volta por mar oferenda!
As vezes a solidão tem suas boas lições.
Mar-de-rosas é nove-la das 8. Estamos mais pra Nouvelle Vague rsss

nobody disse...

acho tb q se fantasia um bocado! do lado de lá e do lado de cá... na real, o q eu sei é q são tudo suposições e o q vemos nos outros também pode ser um castelo cor-de-rosa construído para ser visto!
com superdimensionamentos e tudo mais.

bjus, flor da maravilha!

Renatinha disse...

Putz, Caco, amei: Nouvelle Vague total! Amo! Mas infelizmente seus argumentos de defesa da classe são inválidos, pq o senhor só pode falar "na qualidade de" Macho Alpha, né? Taí, menino, se tu não prestar, não acredito em homem algum mais neste mundo! hahahaahahaa.

Fulô, essas sereias tão precisando participar das nossas conversas.

Bjos nos dois!